Tourism Train Experience, da Universidade Europeia, promove a utilização do combóio para o turismo.

Tourism Train Experience, da Universidade Europeia, promove a utilização do combóio para o turismo.
Jornal Hardmusica

No âmbito do Tourism Train Experience promovido pela Universidade Europeia foram submetidos em Portugal e em Espanha 136 projectos

.
Este projecto iniciado em Setembro é promovido pela Universidade Europeia (UE) com o apoio da Secretaria de Estado do Turismo e do Turismo de Portugal. “Os alunos que concorreram foram apoiados pelos professores”, segundo afirmou ao Jornal Hardmusica, o professor da UE, Paulo Marques.

O docente explicou que “fizemos incubação com uma empresa especializada para ajudar a desenvolver os projectos”. Dos 136 projectos submetidos foram seleccionados 22 que serão apresentados durante três dias em Vila Viçosa, Alvito, Mértola, Cuba e Beja. Para cada uma das apresentações foram escolhidos três projectos. No final “vão ser seleccionados os três projectos vencedores de todas as Universidades onde foram criados”, explicou Paulo Marques.


Carlos Abade, vice presidente do Turismo de Portugal, referiu que " este projecto que temos aqui é um esforço de empreendorismo numa óptica diferente". O dirigente salientou que o Tourism Traisn Experience " conta com o apoio das Escolas de Hotelaria e Turismo",porque é importante envolvê-las".
Carlos Abade salientou que " a Fábrica de Startups ajudou os alunos da UE a estruturar os seus projectos"

Os projectos foram criados e lançados por desafios pelo Turismo de Portugal, pelas autarquias anteriormente referidas e outras entidades ligadas ao sector.
O essencial do Tourism Train Experience segundo o professor ” é a utilização do combóio para chegar a populações remotas que tenham potencial para o turismo”.


O Jornal Hardmusica acompanhou o grupo que se deslocou a Alvito onde foram apresentados os seguintes projectos: App Alvito, Alvitour, Cinco sentidos num só coração, Alvito e a sua beleza.
Destacamos o primeiro, uma App denominada Go Local. Trata-se de uma aplicação para smartphone que pretende ajudar o turista a encontrar pontos de interesse, como hotéis, monumentos e restaurantes.
O que a diferencia das outras é o facto de ter um sistema de pontos onde o utilizador é convidado a criar uma conta onde vai acumulando os seus pontos conforme as visitas efectuadas. Segundo Edson Ramos “ o intuito é captar jovens”. Esta App só estará disponível em Alvito e Vila Nova da Baronia. Edson Ramos sublinhou “ através de gps conseguimos certificarmo-nos de que os utilizadores estão realmente nas duas localidades”.


A visita a Vila Viçosa contou com a apresentação dos seguintes projectos: The original art story, Vila Viçosa no centro do mármore,Viagem real, W emotions.

Salientamos a falta de comparência de algum elemento da Entidade Regional do turismo do Alentejo. Para Carlos Abade o Turismo do Alentejo é um parceiro deste projecto, vincando "não estiveram aqui mas são parceiros."

O segundo dia será marcado pela apresentação de quatro projectos em Mértola e três em Cuba. Os alunos à semelhança do dia de hoje irão fazer uma visita guiada a cada uma das vilas.
Está prevista a intervenção de Ana Mendes Godinho, secretária de Estado Turismo.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade