Sanjoaninas diz que os turistas "não vêm" por "receio de perder horas infinitas nos aeroportos"

A presidente da comissão das festas Sanjoaninas, que decorrem entre hoje e 29 de Junho em Angra do Heroísmo, lamenta que a greve da SATA tenha coincidido com as festas, admitindo prejuízos.

 

"Os nossos emigrantes anseiam tanto por esta data e todos os minutos valem para estar com a família. Sofrendo atrasos, embora não havendo cancelamentos, já é só por si desagradável", frisou Ana Ortins, presidente de uma comissão de voluntários que organizam as festas, composta por mais de 80 pessoas.

As festas Sanjoaninas são as maiores do concelho de Angra do Heroísmo e consideradas por muitos as maiores festas profanas dos Açores.

"Os hotéis estão com lotações esgotadas", salientou Ana Ortins, alegando que só dos Estados Unidos e do Canadá, onde há uma forte comunidade açoriana, são esperadas duas mil pessoas.

O Sindicato Nacional dos Trabalhadores da Aviação Civil (SINTAC) convocou uma greve na SATA entre os dias 18 e 28 de Junho.

No primeiro dia não foram cancelados voos, mas houve atrasos em vários serviços, que não superaram uma hora, sendo que o sindicato contabilizou uma adesão à greve de 100% e a SATA alegou que não ultrapassou os 32%.

Segundo Ana Ortins, foi uma altura "muito desagradável" e "muito complicada" para se marcar greve, porque pode condicionar a vinda de turistas e emigrantes à ilha Terceira, uma das mais afetadas pela paralisação, já que 90% dos trabalhadores são associados do SINTAC.

A presidente da comissão das Sanjoaninas realçou que a companhia aérea assegurou a vinda dos artistas musicais e dos toureiros de fora do arquipélago, nos voos impostos como serviços mínimos, mas admitiu que alguns visitantes do continente e de outras ilhas possam ter desistido da viagem.

"Se estavam hesitantes, claro que não vêm", frisou, alegando que as pessoas têm "receio de perder horas infinitas nos aeroportos" e de acabarem por visitar a ilha só de passagem.

Ana Ortins frisou que, embora a nível nacional não seja feita uma promoção como nas comunidades emigrantes, as Sanjoaninas também foram divulgadas pelos agentes turísticos nacionais.

 

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade