A entrevista possível com Nelo & Idália sobre a sua “terapia humorística conjugal” com estreia marcada 16 de Outubro na RTP

Nelo e Idália estão de volta aos lares dos portugueses a partir do dia 16 de Outubro pela mão da RTP. Este não é só um regresso à televisão mas também um regresso forçado pela crise económica, do casal a casa da mãe de Idália em Mem-Martins. Antes das peripécias quotidianas deste peculiar casal se iniciarem na RTP, tivemos a oportunidade de conversar com Nelo e Idália sobre esta nova etapa das suas vidas.

Hardmúsica: Após estes anos de afastamento o que motivou este regresso?

 

Idália: É muito simples... (Idália é interrompida por Nelo).

 

Nelo: Esta gaja quer sempre ter o protagonismo todo, que bicha peçonhenta, eu percebo que se deve dar prioridade às mulheres nestas coisas... mas, deixem-me que vos diga que a nossa vinda para a televisão não tem nada a ver com o que andam para aí a dizer de que estamos falidos e que até tivemos de vender a casa para pagar as dívidas... são línguas de bichas invejosas, nós queremos mostrar para todo o Portugal de que gostamos tanto da velha da minha sogra, que até viemos viver com ela, viemos dar-lhe apoio nos gastos da casa.

 

Idália: Não é bem essa razão Nelo... (Idália novamente interrompida por Nelo).

 

Nelo: Não sejas bicha de Pilatos mulher... Só falta dizeres que nos mudamos para cá para estarmos mais próximos do belo exemplar da natureza humana que é o vizinho do primeiro andar. Olhe, verdade seja dita, o homem é uma autêntica Beyoncé em corpo de gajo, sempre despido de segundas intensões no que toca a ajudar o próximo... (entre suspiros) ai que homem... tão bondoso... tão prestável... tão bem formado... ai, cala-te boca vadia!

 

Hardmúsica: O que é que os Portugueses podem esperar de vocês?

 

Idália: Esperamos mostrar a todos os Portugueses que somos uma família comum, que vive o drama das políticas neoliberais implantadas no país e... (novamente interrompida por Nelo).

 

Nelo: ai, ai, esta gaja sempre com palavras necrologistas, (Idália corrige sussurrando: "neologismos, senhor") a macerar-me a moleirinha... não é nada disso... sua língua de botox... esta gaja provoca-me rugas nas cartilages da orelha... Olhe senhor entrevistador, uma coisa lhe garanto, os Portugueses podem contar como muito divertimento, respeito e resmas de glamore, olhe tipo aquelas gajas de Hollywood, as kardichias.

 

Idália: kardashians, Nelo, Kardashians.

 

Nelo: sim, as kardichias.

 

Hardmúsica: Soubemos que as vossas filhas também vão entrar nesta nova série. Como se desencadeou esta decisão de as incluírem na série?

 

Nelo: Olhe, aqui a minha Idália não as queria incluir no nosso programa... gaja ingrata, gaja... (Nelo é imediatamente interrompido por Idália).

 

Idália: Eu estou reticente com a inclusão delas na série, não quero que exposição mediática interfira com o normal desenvolvimento das suas vidas, nem fragilize os seus desenvolvimentos psico-sociais.

 

Nelo: Lá está ela a exibir-se com palavras de 50 euros o quilo... é fina agora a mulher... olhe senhor, a minha Aidinha (filha mais nova de Nelo e Idália) vai desabrochar para todo o Portugal com seu jeito para a música, ela é Ágata, ela é Romana, ela é Mónica Sintra... canta quem nem um rouxinol ao orvalho. Mas quando o gajo dela (Elias namorado de Aninhas) põem os dedos nos discos para a acompanhar, até se me arrepia aquela zona da espinha antes de chegar à moleirinha. Já a minha mais velha (Carla filha mais velha de Nelo e Idália) tem pêlo na benta tipo gajo, mas coitadinha... sofre de problemas de memória, semana sim semana não vem aqui ao pai Nelo pedir dinheiro porque não sabe onde deixou a carteira... coitadinha deve ser da moleirinha piquena. Já disse à minha Idália para lhe comprar aqueles comprimidos do elefante para ela se alembrar das coisas, mas o raio da mulher não faz caso... (Nelo recebe uma chamada no telemóvel).

 

Idália: Como lhe estava dizer, ainda manifesto reservas na participação delas no programa. Pela Aninhas, receio que os sonhos artísticos que alimenta possam ser desfeitos no momento em que ela apresente as suas capacidades vocais, já as minhas inquietações em relação à Carla residem no facto... (Idália é bruscamente interrompida por Anália, a senhoria)

 

Anália: Mas afinal o que vem ser isto? Quem é este senhor, (referindo-se ao entrevistador) que não conheço de lado nenhum? Vamos mas é desmontar a tenda que isto é uma casa de respeito.

 

Esta foi uma entrevista ficcionada, mas representa de certa forma o que nos espera a partir de sexta-feira (16 de Outubro) com a estreia na RTP1 da série Nelo & Idália, com Herman José e Maria Rueff nos papéis principais. Inês Sobral veste a personagem de filha mais nova (Aninhas), aspirante a uma carreira na música pimba. Martinho Silva é Elias o namorado DJ de Aninhas, enquanto a filha mais velha (Carla), senhora do seu nariz e uma independente financeira adiada é interpretada pela atriz Rita Tristão da Silva. A Anália, a amarga e desconfiada senhoria é um papel desempenhado por Márcia Breia.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade