Amália Rodrigues, a voz que não morre, faria 98 anos

Amália Rodrigues, a voz que não morre, faria 98 anos

Amália Rodrigues, a voz que não morre, faria 98 anos Sábado (revista)

Amália da Piedade Rodrigues foi fadista, cantora e actriz portuguesa, considerada a voz de Portugal e uma das mais brilhantes cantoras do século XX.


Amália Rodrigues tornou-se conhecida mundialmente como a Rainha do Fado Dado o simbolismo que este género musical tem na cultura portuguesa, foi considerada por muitos como uma das suas melhores embaixadoras no mundo.

Aparecia em vários programas de televisão pelo mundo fora, onde não só cantava fados e outras músicas de tradição popular portuguesa, como ainda canções contemporâneas, dando início ao chamado fado-canção e também alguma música de origem estrangeira, como francesa, americana, espanhola, italiana, mexicana e brasileira.

Foi importante contribuição para a história do Fado, a opção que tomou em cantar poemas de consagrados autores portugueses, como a lírica de Luís de Camões ou as cantigas e trovas de D. Dinis. Teve ainda ao serviço da sua voz a pena de alguns dos maiores poetas e letristas seus contemporâneos, como David Mourão Ferreira, Pedro Homem de Mello, José Carlos Ary dos Santos, Alexandre O'Neill ou Manuel Alegre. Amália cantava em castelhano, galego, francês, italiano e inglês.

O registo de nascimento de Amália refere o dia 23 de Julho mas a artista festejava o seu aniversário no primeiro dia do mês. Vontade de artista, de uma grande artista!

Nenhuma evento encontrado.
captcha