"Cadernos de Buenos Aires" é o romance de estreia de José Avilez Ogando

"Cadernos de Buenos Aires", o romance que marca a estreia de José Avilez Ogando como romancista, já está disponível nas livrarias.

 

O livro conta a história de um agente secreto português que se mudou há vinte anos para Buenos Aires, confrontando-se com um passado que nem sempre foi fácil.

Decide, então, escrever uma longa carta à mulher que em tempos amou. Para isso, isola-se na sua casa de praia em Pinamar, onde revive os caminhos que percorreu desde aqueles últimos dias passados em Lisboa.

Lembra-se dos muitos personagens que se cruzaram no seu caminho: o fiel e obstinado coronel Correa D'Oliveira, o seu notável e enigmático tio Vasco Rebelo, o cínico Steve, a mundana Mimi Morales, o seu grande amigo Paco Fontes e a bela espia catalã Gloria Espinoza.
Assim o personagem principal vai-nos relatando a memória que conserva das lições que o fizeram crescer, as lições da verdade, do perdão, da simplicidade, da serenidade e da capacidade de sonhar, lições de vida enfim.

Fala-nos, ainda, e sobretudo, da sua descoberta sobre o que é afinal o amor: a noção de que ele se aprende, que não nos abandona e a de que o céu e o inferno começam já aqui, para aqueles que os escolherem. E da certeza de que, afinal, nunca será tarde demais para sermos fiéis ao amor que sentimos.

José Avilez Ogando, de 38 anos, é formado em Direito e advogado na área fiscal. Cadernos de Buenos Aires é o seu primeiro romance.

Subscreva a newsletter oturismo.pt
captcha 

Publicidade

Actualidade